Manchas como as sardas, até são bonitas e charmosas quando somos crianças ou adolescentes. No entanto, com o passar dos anos, essas pigmentações podem aumentar e escurecer, deixando a pele com aparência envelhecida. Mas, afinal, você sabe o que causa manchas na pele?

As irregularidades pigmentares da pele começam a surgir por volta dos 30 anos, quando os primeiros sinais de envelhecimento começam a aparecer. Essas manchas, além de sinalizarem problemas de pele, também são bastante incômodas, principalmente para mulheres, pois afetam a autoestima.

As manchas na pele podem acontecer por vários motivos. Sinais da idade, exposição ao sol e maus cuidados com a epiderme durante a adolescência são alguns dos fatores que agravam a hiperpigmentação da pele. Leia abaixo mais detalhes sobre cada um deles.

Entenda o que causa manchas na pele

Existem diversos fatores que podem contribuir para o surgimento de manchas na pele, eles vão desde a genética a pequenos descuidos que tornam as imperfeições cutâneas mais aparentes com o passar dos anos.

Manchas de sol

Os raios solares são responsáveis por estimular a produção de melanina em nosso corpo, que por sua vez é a responsável por dar cor à nossa pele. No entanto, a exposição excessiva ao sol, junto com alterações hormonais e o uso de determinados medicamentos e produtos, contribui para o surgimento de manchas na pele.

Manchas de idade

As manchas de idade começam a surgir a partir dos 30 anos. Essas marcas são consequências de diversas agressões que ocorrem ao longo do tempo, como exposição excessiva ao sol e poluição. Geralmente, as manchas de idade começam a aparecer primeiro nas mãos, braços, colo e rosto.

Manchas de gravidez

Também conhecidas como melasma, as manchas de gravidez são escuras e surgem no rosto, na região das maçãs da bochecha e testa. Essas manchas também podem ocorrer na menopausa, e o motivo está relacionado às mudanças hormonais que interferem na produção das células de melanina. 

Manchas de acne

As manchas de acne ocorrem durante o processo pós-inflamatório de espinhas e cravos, quando a pele está em processo de cicatrização, libera mais melanina. O mesmo ocorre com queimaduras, ferimentos e queratose solar.

Como prevenir e minimizar manchas de pele

De acordo com dermatologistas, a melhor forma de prevenir manchas de pele é com o uso diário de filtro solar, reaplicando-o ao longo do dia, e evitando também a exposição excessiva ao sol.

Para tratar manchas de pele e melasmas, existem diversos procedimentos estéticos como laser e luz pulsada, e dermocosméticos à base de ácidos. Também é possível utilizar vitaminas e antioxidantes que auxiliem a clarear as manchas de pele, bem como produtos que ajudem a prevenir novas manchas e suavizem as já existentes. Você pode encontrá-los tanto em prateleiras de drogarias, como em farmácias de manipulação.

No entanto, é sempre importante, antes de usar qualquer produto ou iniciar um procedimento estético, consultar um dermatologista para prescrever o melhor tratamento e o produto ideal para o seu tipo de pele.

Além disso, cuidados diários como hidratação, limpeza de pele e esfoliações para renovar o tecido e eliminar impurezas também ajudam a ter uma pele mais jovem, bonita e uniforme.

Agora que você já sabe o que causa manchas na pele e como preveni-las e tratá-las, conheça as principais causas do envelhecimento e descubra o que fazer para retardar os sinais do tempo.