Você sabe o que significa o selo de cruelty free? O termo é utilizado em produtos que não realizam testes em animais e é uma grande tendência no setor de cosméticos e dermocosméticos. Ficou curiosa? Então, continue a leitura e entenda melhor esse tema.

Um grande número de médicos e de cientistas defende que as diferenças entre o organismo dos animais e dos humanos tornam os testes desnecessários

Dessa forma, fica fácil perceber como os testes apenas geram sofrimento aos animais, sem oferecer uma segurança real ao consumidor. Mas, muito além de deixar de participar dessa crueldade, quem opta pelos produtos livres de testes ainda recebe muitos benefícios.

Quais os principais benefícios?

Aumento da eficácia dos produtos

Existem mais de 20 opções para certificar a segurança de um cosmético sem utilizar nenhum animal durante o processo. Dessa forma, a tecnologia utilizada na cosmetologia avança rapidamente e, assim, cresce a eficácia dos produtos. Esse fator se destaca ainda mais no caso de produtos mais delicados, que demandam bastante desenvolvimento, como os cremes anti-sinais.

Diminuição de resíduos

Ao abolir os testes em animais, a empresa certamente gera diversos outros cuidados com o meio ambiente — e um dos que se destaca é a diminuição dos resíduos gerados. Assim, é possível colaborar para a redução do descarte de materiais como o plástico, que gera danos e mortes ao ser acumulado na vida marinha. Alternativas biodegradáveis e recicláveis são essenciais para o futuro do planeta. 

Aumento da qualidade de vida

Em sua maioria, os produtos que não realizam testes em animais são produzidos com matérias primas vindas diretamente da natureza. Assim, deixando de lado produtos tóxicos e químicos pesados, o resultado são cosméticos e dermocosméticos leves e naturais. O risco de alergias cai e a saúde da sua pele se beneficia. 

Consciência socioambiental

Não é preciso escolher entre ética e qualidade. Ao selecionar mercadorias livres de testes, você pode seguir os cuidados com a sua beleza e, ao mesmo tempo, manter a consciência livre ao garantir que nenhum ser precisou sofrer. Escolher seus cosméticos e dermocosméticos de forma consciente pode ser uma atitude revolucionária para o bem estar dos animais.

Usado para todos os tipos de pele

As linhas de cosméticos e dermocosméticos produzidas sem testes reúnem todos os benefícios listados anteriormente, promovendo formulações naturais e leves. Dessa forma, a indicação é mais ampla e as vantagens são sentidas em todos os tipos de pele, das mais secas às mais oleosas

Como identificar?

Para reconhecer se um produto foi produzido sem realizar testes em animais, você pode procurar pelos selos que atestam essa prática. O selo Leaping Bunny é relacionado com a organização Cruelty Free International. Além dele, o já famoso coelho branco com orelhas em formato de coração representa aprovação pelo PETA (People for the Ethical Treatment of Animals). 

Chega de se preocupar ao fazer suas compras e tentar identificar qual opção mais adequada. Ao optar pela seção cruelty free, você leva para casa mercadorias benéficas para a sua saúde e beleza, sem prejudicar os animais.

Vale, ainda, destacar a diferença entre os cosméticos e dermocosméticos livres de testes em animais e outros termos utilizados para definir produtos que também são fabricados com preocupação em relação ao meio ambiente.

Os cosméticos e dermocosméticos veganos são, além de livre de testes, produzidos sem componentes de origem animal, como leite, banha e mel. Os orgânicos, por sua vez, levam em sua composição 95% de ingredientes vegetais sem agrotóxicos. 

Já os cosméticos e dermocosméticos naturais, são produzidos com a maioria dos componentes de origem natural, além de até 5% de elementos sintéticos.

Gostou de saber mais sobre esse assunto tão importante e sente que seus amigos vão adorar essas informações? Então compartilhe nas suas redes sociais e ajude a espalhar dados relevantes sobre o mundo da beleza!