O rosto é uma região sensível, que está exposta a diversos fatores que podem agredir sua pele ao longo do dia, especialmente os raios solares. Nesse aspecto, os dermocosméticos são grandes aliados na hora de proteger a saúde de sua pele dos efeitos nocivos do sol.

Antes, porém, é importante destacar que o rosto não está exposto apenas no verão, época em que costumamos curtir o calor e  colocar o bronzeado em dia. Os riscos estão presentes inclusive nos dias nublados, visto que os raios solares continuam incidindo sobre a superfície terrestre.

O resultado da exposição ao sol sem proteção, é o envelhecimento precoce, acompanhado do surgimento da acne, de manchas e rugas. Mas, a boa notícia é que existem ótimos produtos para combater esses problemas e manter a sua pele jovem e saudável. Ah, é válido reforçar que os cuidados não devem ser apenas com a pele do rosto. Todas as partes do corpo expostas aos raios solares devem receber iguais cuidados ok?

A seguir, apresentaremos algumas dicas para que você escolha o produto ideal para cuidar da sua pele. Vamos lá?

Dermocosméticos ou medicamento: qual a melhor escolha?

Aqui, a resposta certa é: ambos! Os dermocosméticos, termo utilizado para definir aqueles produtos que possuem ativos farmacológicos, são considerados como um ponto intermediário entre os medicamentos e os cosméticos.  Eles atuam nas partes mais profundas da pele e, possuem comprovação clínica de seus efeitos. Por isso, são ideais para quem deseja proteger a pele do sol de forma completa. Alguns medicamentos podem atuar diretamente na melhora de diversas patologias que acometem a pele. Não tenha dúvidas, sempre consulte seu dermatologista para melhor escolha.

Você sabe quais dermocosméticos que deve evitar?

Ainda muito presentes na indústria cosmética, os parabenos são conservantes utilizados para prolongar a vida útil dos dermocosméticos. Esse tipo de componente químico pode desencadear alergias, irritações e sensibilidade na pele devido à ação antibacteriana e antifúngica que conferem aos dermocosméticos. Há ainda estudos que comprovam que essas substâncias podem causar câncer de mama e de pele.

Além de conservantes químicos, ainda há indústrias cosméticas que fazem testes em animais, para avaliarem possíveis reações adversas.  Assegure-se de que seus dermocosméticos são ecologicamente viáveis e “crueltyfree”, termo criado para identificar produtos que não foram testados em animais.

 

Opte por dermocosméticos livres das substâncias identificadas como tóxicas: parabenos, cores sintéticas, etc. A LaCutanée possui uma gama de produtos seguros, hipoalergênicos, produzidos dentro dos maiores rigores de qualidade e com consciência ecológica.

Como deve ser a aplicação dos produtos?

O ideal, é que você procure sempre por produtos que proporcionem uma aplicação fácil e rápida.

Afinal, para uma proteção contra os raios solares efetiva, é importante aplicar a primeira camada cerca de 20 minutos antes de se expor e reaplicar a cada duas horas. Uma embalagem difícil de carregar e de utilizar, e um produto que não espalha facilmente podem dificultar a criação do hábito de cuidar do rosto diariamente.

Para completar, foque em produtos que apresentem mais de uma utilidade. Ou seja, que protegem a pele, hidratam e ainda disfarçam manchas e pequenas imperfeições. Os dermocosméticos multifuncionais são um ótimo artifício contra a falta de rotina e uma boa solução para andar sempre bonita e protegida.

Um exemplo de multifuncionalidade para cuidar da pele do rosto, é o Solary BB Blur, um filtro solar em pó compacto que oferece cobertura de maquiagem com efeito matte. São três tonalidades, além de proteção contra os raios UVA, UVB, IV e luz visível.

Não se esqueça de consultar sempre seu dermatologista, para saber a gama de produtos mais indicados para seu tipo de pele. Ah, lembre-se também de proteger as demais partes do corpo que também recebem incidência de raios solares.

Qual o melhor fator de proteção solar?

A pele do rosto é mais sensível e delicada e, por isso, precisa de uma proteção mais elevada em comparação ao restante do corpo. Pensando nisso, prefira utilizar proteção fator 50 no rosto, mesmo nos dias nublados.

Agora que você já sabe quais fatores devem ser observados ao proteger a pele do sol, vale conferir se todos os seus produtos estão de acordo com essas diretrizes e se eles são, de fato, ideais para o rosto.

Se você quiser saber mais sobre o Solary BB Blur e outros dermocosméticos, entre em contato com a La Cutanée e saiba como manter a sua pele saudável e radiante